Servidora municipal recebe R$ 70 mil após erro em depósito de salário e devolve dinheiro, em cidade de PE

Uma professora de matemática devolveu à prefeitura de Chã Grande, no Agreste de Pernambuco, mais de R$ 70 mil depositados equivocadamente na conta bancária dela.
O exemplo de honestidade veio de Silvânia Silva, de 37 anos, apenas 15 dias depois que ela trocou de profissão, ao assumir o cargo de auxiliar de serviços gerais no município Silvânia era contratada temporária na Secretaria de Educação de Chã Grande, até abril. Com a proximidade do fim do contrato, ela decidiu fazer um concurso público na cidade para buscar estabilidade.
No entanto, para a vaga de professora de matemática, havia apenas uma vaga, e ela temia, além de ficar sem contrato, perder toda a renda.
Com 15 dias de empossada na prefeitura, Silvânia, que mora em Gravatá, foi ao banco para tentar descobrir o porquê de o cartão, com o qual ela receberia o salário, ainda não tinha chegado.

No local, ela pediu ao gerente para ver o saldo na conta e teve a surpresa: R$ 70.368,86, pagos, teoricamente, pelos 15 dias que ela passou na prefeitura. Era o equivalente a 5 anos e meio de trabalho, de uma só vez.

O dinheiro, no entanto, não demorou na conta de Silvânia. Segundo ela, sequer passou pela cabeça ficar com o valor, que, ela sabia, não era dela.
Segundo Silvânia, até a devolução do dinheiro foi trabalhosa, mas ela jamais mudaria de ideia. No banco, ela foi informada que o valor só retornaria à prefeitura se ela, por espontânea vontade, decidisse devolver.
Para isso, ela precisou sair de Chã Grande, ir até Gravatá e, de lá, voltar à cidade onde trabalha para fazer a transferência pessoalmente. A prefeitura abriu um processo administrativo para investigar de onde partiu o erro nas contas.
Segundo o prefeito Diogo Alexandre (PL), sequer deu tempo de contactar a servidora, porque Silvânia já tinha se mobilizado para devolver o dinheiro.

Com informações do G1 PE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *