Senador petista continua apostando em aliança com PSB, mesmo depois do lançamento da candidatura de Marília Arraes

 

 

O ato de pré – lançamento da candidatura da vereadores pelo Recife, Marília Arraes ao Governo do Estado, acontecido na cidade de Serra Talhada, no último fim de semana, não empolgou a cúpula do PT nacional, prova disso foi a ausência de nomes importantes do partido como Humberto Costa. Costa inclusive é um dos entusiastas a uma possível junção de PT e PSB.

 

O senador não descarta por completo a tese da candidatura própria, devido à forte pressão que vem sendo feita por setores do partido em Pernambuco. Só descarta mesmo uma aliança com os partidos que promoveram em Petrolina, também no último sábado, a segunda edição do movimento “Pernambuco quer mudar”. Ele define este palanque como “de direita” e representante em Pernambuco do governo Michel Temer.

“Se o PSB apoiou o impeachment de Dilma, pelo menos faz oposição a Temer e opõe-se às reformas que o governo dele pretende fazer via o Congresso Nacional.” Afirma o senador Humberto Costa.

Do Blog do Erbi



Deixe uma resposta