Foto: Estadão

O procurador-geral da república, rodrigo janot, denunciou ao supremo tribunal federal por crime de organização criminosa os ex-presidentes luiz inácio lula da silva e dilma rousseff; os ex-ministros antonio palocci filho, guido mantega, edinho silva e paulo bernardo; a senadora gleisi hoffmann, presidente nacional do pt; e o ex-tesoureiro do partido joão vaccari neto.

A denúncia, no âmbito da operação lava jato, foi oferecida dentro de inquérito que apura se o pt formou uma organização criminosa para desviar dinheiro da petrobras.

Todos os denunciados são suspeitos de “promover, constituir, financiar ou integrar, pessoalmente ou por interposta pessoa, organização criminosa”, cuja pena é de 3 a 8 anos de prisão, além de multa.

A pgr também cobra dos oito denunciados indenização de r$ 6,8 bilhões, valor que inclui devolução à petrobras de suposto dinheiro desviado, além de danos morais e materiais.

 

(Do G1)

Compartilhe.

Sobre o autor

Deixe um comentário