Funcionário de fábrica da Jeeep em PE é investigado por suspeita de furto de kits multimídia para carros

Um funcionário da fábrica da Jeep, em Goiana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, está sendo investigado por furto de kits multimídia para carros. A suspeita é de que ele vendesse as peças por meio de redes sociais, segundo a Polícia Militar. O homem foi levado para a Delegacia de Paulista, no Grane Recife, nesta quinta-feira (25), e prestou depoimento, de acordo com a Polícia Civil.

A Polícia Militar informou que não foi possível fazer o flagrante. Por isso, ele foi liberado e será preciso aguardar o curso da investigação.

De acordo com a PM, equipes do 26º Batalhão efetuaram a prisão “no momento em que o homem tentava vender o objeto, inclusive anunciado em redes sociais”.

O aspirante Kemuel, que integrava a equipe da PM, informou que o homem conseguia retirar equipamentos eletrônicos da fábrica. “É possível que ele tenha ajuda de outra pessoa. Os kits eram anunciados em uma rede social”, comentou.

Por meio de nota, a Jeep informou que as peças “foram identificadas”. A fábrica também confirmou que o alvo da investigação é um funcionário.

A empresa também disse que “está colaborando com a Polícia Civil para fazer a identificação de peças desviadas da planta localizada em Goiana. A confirmação foi feita e agora a Polícia Civil seguirá com o inquérito instaurado.”

Do G1 PE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *