As câmaras de vereadores e suas situações inusitadas

Um verdadeiro nó cego, surge entre a Câmara de Vereadores de Santa Terezinha e o ex-vereador e atual vice-prefeito José Adarivan. Segundo o atual presidente do Poder Legislativo local, Adalberto Gonçalves de Brito Júnior, o ex-parlamentar havia recebido do então presidente Vanim de Danda (2015-2016), atual prefeito e aliado político, duas caixas de som de propriedade da Casa do Povo em caráter de contrato verbal de comodato e até agora não havia devolvido os bens.

Dr. Júnior, por sua vez, ao assumir a presidência, conferindo nos livros de tombamento todos os bens, percebeu que a devolução ainda não havia sido executada. Na realidade, no Regimento Interno não há nenhum artigo que preveja tal cedência.

Através de ofício encaminhado ao vice-prefeito o presidente da Câmara solicita que as caixas sejam devolvidas e cita que a atual gestão está melhorando a sonorização do Legislativo.

Em resposta, via ofício, José Adarivan confirma que realmente está em poder das peças e que fará a devolução. Entretanto alega que ambas “não estavam em perfeitas condições de funcionamento. O vice prefeito alega que os drives das caixas não prestam mais, inclusive tendo os jogado fora.

O presidente disse não aceitar a devolução das caixas sem funcionar e sem todos seus componentes.

Do Blog do Nill Jr.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *