Prefeito na PB propõe lei para usar R$ 120 mil da Prefeitura para tratamento médico

Um auxílio de R$ 120 mil proveniente dos cofres públicos foi autorizado pela Câmara de Vereadores de Pilões, no Agreste da Paraíba, para que o prefeito da cidade, Iremar Flor de Sousa, faça um tratamento médico no Texas, nos Estados Unidos. O projeto de lei municipal para abertura de crédito suplementar é de autoria do próprio prefeito e foi aprovado por unanimidade na câmara. A lei 272/2018 foi aprovada no dia 9 de fevereiro, às vésperas do Carnaval.

O assessor jurídico da prefeitura, Adilson Alves, explicou que de fato a lei de autoria do executivo tinha sido aprovada, mas na quinta-feira (22) o prefeito encaminhou um projeto de lei para revogar o crédito suplementar de R$ 120 mil que seria usada pelo gestor para tratamento médico. De acordo com o projeto de lei de revogação, mesmo diante da necessidade do prefeito, a despesa não representa interesse público.

Para justificar a liberação da verba pública, o prefeito explicou que foi acometido de um câncer raro e que precisaria se tratar no exterior, tendo em vista uma recomendação do Centro Paraibano de Oncologia.

Do G1 PB



Deixe uma resposta